Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal

39.90 

OFERTA DE 3 MARCADORES NA AQUISIÇÃO DO LIVRO «Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal»

Portes grátis na entrega em qualquer ponto de Portugal.

Encomende dois ou mais exemplares e usufrua de 10% de desconto (encomende um para si e pelo menos mais um para oferecer). Lembre-se que o Natal está a chegar e esta é uma prenda muito especial.

Envio com entrega expresso – para encomendas com um mínimo de 5 exemplares.

Entretanto, caso tenham interesse em nos solicitar uma proposta de aquisição de exemplares desta obra, em condições muito especiais para empresas e entidades, em condições e quantidades a acordar, queiram por favor entrar em contacto connosco para o email: info@fotografiaportugal.pt

10% de desconto na aquisição de 2 ou mais exemplares

Descrição

capa-livro-ca-azulejosmaravilhasdeportugal190

Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal

Fotografia / Photography: Libório Manuel Silva

Coordenação científica / Scientific Coordinator: Rosário Salema de Carvalho

Prefácio / Foreword:  José Meco

Págs: 336 (em capa dura/hardcover, 24,5cm * 32,1cm)

ISBN: 978-989-615-213-0

1.ª edição / 1st edition: Mar, 2017

Preço / Price: 39,90 EUR

OFERTA DE 3 MARCADORES NA AQUISIÇÃO DO LIVRO «Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal»

Azulejos–Maravilhas_de_Portugal_livro_e_marcadores-1500px

O livro reúne os 40 locais com revestimentos em azulejo que, pela sua excepcionalidade, foram considerados Maravilhas de Portugal, numa cronologia extensa que começa na viragem para o século XVI e termina na actualidade. As fotografias revelam características únicas destes monumentais conjuntos cerâmicos, conduzindo o olhar do leitor a experiências de leitura ímpares.
Os textos dos mais reputados investigadores, com as suas perspectivas actualizadas, fruto de estudos recentes, guiam o leitor através das ruas das cidades e dos seus equipamentos, assim como nos interiores de igrejas e palácios, de Norte a Sul de Portugal. A Fotografia e a História da Arte aliam-se, assim, nesta obra para construir um mapa muito particular de uma das artes que é justamente considerada um factor diferenciador da cultura portuguesa.

This book features 40 places with azulejo decorations that were labelled, due to their exceptional quality, Portuguese Wonders. The examples cover a wide historical span, from the transition to the 16th century to the present day. The photographs unveil the unique characteristics of these monumental ceramic sets, treating the reader to new and unparalleled visual experiences. The texts, signed by the most renowned experts, offer a guided tour to city streets and monuments, to the interiors of churches and palaces, from the North of the country all the way to the South. Photography and Art History have thus joined forces to create a very special map of one of the defining art forms of Portuguese culture.

Azulejos – Maravilhas de Portugal_foto livro aberto capas-1500px - BRBR

LIVRO / BOOK

Entre as modalidades que caracterizam a cultura artística do nosso país em termos de prática continuada e de peso identitário, o Azulejo assume, por certo, um lugar de grande destaque.
Desde o século XV e até aos nossos dias, com fases em que esse uso chegou a ser quase totalitário, a prática dos revestimentos azulejares contribuiu para requalificar os espaços da arquitectura, que assim assumiu, de forma significativa, uma dimensão mais cenográfica e vernacular. As articulações das formas construídas com o seu recheio azulejar são sempre sábias de elaboração, coerentes de efeito geral e felizes no resultado visual a que conduzem.
Quando admiramos – como sucede neste livro – tantos espaços intestinos de igrejas barrocas integralmente revestidos de azulejos, seja de padronagem policroma como de figuração azul e branca, ou em fachadas de casas a que a azulejaria emprestou uma plasticidade luminosa e ardente, é certo que estamos perante uma arte maior, em que o talento dos portugueses transbordou em soluções plenas de originalidade. São soluções sempre distintas, usadas num afã de cobrir os panos murários com a plasticidade das formas e cores da cerâmica pintada. Fossem eruditos ou ingénuos, os pintores de azulejo usaram este género artístico como expressão ímpar das decorações integrais, o que transforma esta arte num unicum no contexto internacional.
O ARTIS – Instituto de História da Arte, enquanto centro de investigação universitário, associa-se à paternidade científica desta obra, produzida por iniciativa de Libório Manuel Silva, a quem se deve o esmerado corpo fotográfico do presente livro. Destaque-se, enfim, o esforço de investigação científica pluridisciplinar, que teve como pólo agregador a coordenação da Rede de Investigação em Azulejo, grupo de pesquisa do referido centro que, para o efeito, congregou historiadores de arte, muitos deles das mais novas gerações de estudiosos. Pensamos vir ao encontro das referências incontornáveis neste campo, como o foram José Queirós, Vergílio Correia, Reynaldo dos Santos e João Miguel dos Santos Simões, para quem o Azulejo português é a mais fundamental das manifestações artísticas no sentido da caracterização da identidade cultural portuguesa.
Estamos certos de que assim contribuímos para o reconhecimento de um património artístico que, sendo de âmbito nacional, possui inegáveis valências universais.

Among the different art forms that define Portugal’s artistic culture, due to their continued practice and to their contribution for the country’s national identity, the azulejo certainly enjoys a special standing. From the 15th century onwards, the use of tile decorations – which during some periods attained a sort of ubiquitousness – enriched architectural spaces with new scenic and vernacular dimensions. Overall, the articulation between the architecture and these decorations is well balanced and coherent, leading to a successful visual result.
When one admires – as so often throughout this book – the tile-covered interiors of Baroque churches, adorned with polychrome patterns and blue and white motifs, or the façades of houses that have gained, with the use of azulejos, a radiant and vivid plasticity, tile decorations emerge as a major art form, with the talent of Portuguese artists giving rise to profoundly original creations. These works are always different, born out of the wish to cover a building’s walls with coloured ceramic elements. The tile painters, whether erudite or naïve, used this art form to create a highly original kind of decoration, unique within the international context.
This book, put together with the scientific supervision of the academic research centre ARTIS (Institute of Art History), was initially envisioned by Libório Manuel Silva, author of the thorough photographic survey displayed in the following pages. It also benefited from the multidisciplinary scientific research enabled by the coordinating efforts of the Azulejo Research Network. This research group, part of the ARTIS research centre, brought together different art historians, many of whom belong to the most recent generation of scholars. The aim was to revive and expand the work initiated by the most influential authorities in this field, namely José Queirós, Vergílio Correia, Reynaldo dos Santos and João Miguel dos Santos Simões, to whom the azulejo was the key artistic element of Portugal’s cultural identity.
We are confident that this work will help promote an artistic heritage that is both national in scope and internationally significant.

VITOR SERRÃO
Director do ARTIS – Instituto de História da Arte,Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa

AUTORES / AUTHORS

Alexandre Nobre Pais, Ana Almeida, Ana Paula Rebelo Correia, Céline VenturaTeixeira, Celso Mangucci, Diana Gonçalves dos Santos, Francisco Queiroz, Inês Leitão, João Manuel Mimoso, João Pedro Monteiro, José Meco, Libório Manuel Silva, Lúcia Marinho, Luís de Moura Sobral, Luísa d’Orey Capucho Arruda, Maria Alexandra Trindade Gago da Câmara, Patrícia Nóbrega, Patrícia Roque de Almeida, Patrícia Sarrico, Rosário Salema de Carvalho, Suzana Carrusca, Tiago Borges Lourenço, Vitor Serrão

Coordenação científica / Scientific Coordinator:

Rosário Salema de Carvalho é investigadora do ARTIS – Instituto de História da Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde integra o grupo Az – Rede de Investigação em Azulejo, da qual é também coordenadora executiva.
Actualmente desenvolve um projecto de pós-doutoramento (com bolsa da Fundação para a Ciência e a Tecnologia), dedicado à questão das molduras no azulejo barroco, tendo como instituição de acolhimento o ARTIS (Az) e o Museu Nacional do Azulejo.
É doutorada em História, especialidade em História da Arte, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (2012), com a tese intitulada A pintura do azulejo em Portugal [1675-1725]. Autorias e biografias – um novo paradigma. Em 2007 defendeu o Mestrado em Arte, Património e Restauro, na mesma faculdade, com a dissertação …por amor de Deus. Representação das Obras de Misericórdia, em painéis de azulejo, nos espaços das confrarias da Misericórdia, no Portugal setecentista.
Tem desenvolvido investigação na área do património e, principalmente, na área da Azulejaria Portuguesa, com vários artigos publicados em revistas científicas nacionais e internacionais.

Rosário Salema de Carvalho, researcher at ARTIS – Art History Institute of the Faculty of Letters of the University of Lisbon, and executive coordinator of the Az – Azulejo Research Network, currently developing a post-doctoral project (awarded by Foundation for Science and Technology), dedicated to the issue of frames in Baroque tile decorations, hosted by ARTIS (Az) and the National Azulejo Museum.
The author has a PhD in History, with a specialisation in Art History, from the Faculty of Letters of the University of Lisbon (2012) and wrote a dissertation entitled Azulejo painting in Portugal [1675-1725]. Authorships and biographies a new paradigm. She concluded in 2007 a Master’s Degree in Art, Heritage and Restoration from the same Faculty, with the dissertation …for the love of God. The depiction of the works of mercy in 18th century Portuguese tile panels commissioned by the Brotherhoods of Mercy.
Currently focused on the study of artistic heritage, and particularly on the field of Portugueseazulejos, Rosário Salema de Carvalho is the author of several articles published in national and international scientific journals.

Fotografia / Photography

Libório Manuel Silva é editor do Centro Atlântico, empreendedor e um grande apaixonado por fotografia de cultura e património.
É autor de cerca de 30 livros – em três editoras – sobre História do Livro, Arte, Fernando Pessoa, Gestão e Tecnologias, e de mais de 100 artigos publicados nos principais jornais e revistas portugueses. Fundou e dirigiu três revistas.
Fruto de um longo trabalho de investigação, prepara a publicação do segundo volume de Bibliotecas – Maravilhas de Portugal / Libraries – Wonders of Portugal, a sua obra seminal, bem como de Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal.
Em Portugal, foi precursor da formação em Internet (1994) e da criação e distribuição de e-books (1999).
Tem dez anos de experiência como docente no ensino superior, uma pós-graduação em Gestão, uma outra, internacional (EUA, França, Coreia do Sul e Japão), em Excelência nos Serviços e ainda a frequência num MBA de Comércio Internacional.
Começou a fotografar muito cedo, tendo recebido formação na Cooperativa Árvore, o que o motivou para a criação de um laboratório fotográfico doméstico.
É editor dos livros sobre fotografia mais vendidos em Portugal.
Os seus dois filhos são a sua principal fonte de inspiração.

Libório Manuel Silva, founding editor of Portuguese publisher Centro Atlântico (the national best-seller photography books publisher), is an entrepreneur with a great love of cultural and heritage photography.
The author of some thirty books – with three different publishers – on subjects such as the History of the Book, Art, Fernando Pessoa, Management and Technology, and over one hundred articles published in leading Portuguese newspapers and magazines. He both founded and directed three magazines.
Presently Libório Manuel Silva is preparing for publication Azulejos – Wonders of Portugal and the second volume of his seminal work:
Libraries – Wonders of Portugal, the culmination of extended research.
In Portugal, he is known as a pioneer of Internet training (1994) and of the creation and distribution of e-books (1999).
With ten years’ experience as a teacher in higher education, he holds a postgraduate qualification in Management, an international postgraduate certificate (USA, France, South Korea and Japan) in Service Excellence, and he attended an MBA in International Commerce.
Libório Manuel Silva took up photography at very young age and following study at the Cooperativa Árvore in Oporto, he created a photographic laboratory at home.
His two sons are his main source of inspiration.

Sugestões Culturais, programa FAZ SENTIDO, SIC Mulher, ver a partir do minuto 05:00

Photos

Também pode gostar…