Publicado em

Aprenda a fotografar com Joel Santos

02 - FOTOGRAFIA_foto-autor

O AUTOR

Joel Santos nasceu em 1978, sendo licenciado e mestre em Economia. A sua paixão pela fotografia despertou em 2003, com génese na macrofotografia a água e na fotografia de paisagem natural.

Em 2004 ruma a Timor-Leste como docente da Universidade de Economia – uma experiência de três anos que impulsionaria a sua apetência pelo retrato espontâneo e pela reportagem de vida quotidiana.

Continuar a ler Aprenda a fotografar com Joel Santos

Publicado em

DIA NACIONAL DO AZULEJO

Na foto: Exposição de fotografias de Libório Manuel Silva, na nova sede da Polícia Judiciária, em Lisboa, na comemoração do 10ª aniversário do Projecto SOS Azulejo.

No dia 6 de Maio de 2017 celebra-se pela primeira vez em Portugal o Dia Nacional do Azulejo.

Recentemente a Assembleia da República aprovou por unanimidade Projectos de Lei e de Resolução a favor da protecção e da valorização do património azulejar português, consagrando o dia 6 de Maio como o Dia Nacional do Azulejo.

No passado dia 4 de Abril o Projecto “SOS Azulejo” (projecto coordenado pelo Museu da Polícia judiciária, com a parceria da Associação Nacional de Municípios Portugueses, Direcção Geral do Património Cultural, Guarda Nacional Republicana, Polícia de Segurança Pública, Universidade de Aveiro, Instituto de História de Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e Instituto Politécnico de Tomar) comemorou o seu 10º aniversário com uma exposição comemorativa “Projecto SOS Azulejo 2007/2017 – 10 anos a proteger e valorizar o património azulejar português“.

Portugal é o país que tem o património azulejar maior e mais importante do mundo” (Leonor Sá, coordenadora do projecto SOS Azulejo, da Polícia Judiciária, em entrevista à TSF)

Consultar: Especial Azulejos

e o livro:

capa-livro-ca-azulejosmaravilhasdeportugal190

Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal

Fotografia / Photography: Libório Manuel Silva

Coordenação científica / Scientific Coordinator: Rosário Salema de Carvalho

Prefácio / Foreword:  José Meco

Págs: 336 (em capa dura/hardcover, 24,5cm * 32,1cm)

ISBN: 978-989-615-213-0

1.ª edição / 1st edition: Mar, 2017

Preço / Price: 39,90 EUR

OFERTA DE 3 MARCADORES NA AQUISIÇÃO DO LIVRO:

«Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal»

Azulejos–Maravilhas_de_Portugal_livro_e_marcadores-1500px

Publicado em

OFERTA DE 3 MARCADORES

Azulejos–Maravilhas_de_Portugal_livro_e_marcadores-1500px

Adquira o livro «Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal» e receba gratuitamente 3 marcadores de livros.

O livro reúne os 40 locais com revestimentos em azulejo que, pela sua excepcionalidade, foram considerados Maravilhas de Portugal, numa cronologia extensa que começa na viragem para o século XVI e termina na actualidade. As fotografias revelam características únicas destes monumentais conjuntos cerâmicos, conduzindo o olhar do leitor a experiências de leitura ímpares.
Os textos dos mais reputados investigadores, com as suas perspectivas actualizadas, fruto de estudos recentes, guiam o leitor através das ruas das cidades e dos seus equipamentos, assim como nos interiores de igrejas e palácios, de Norte a Sul de Portugal. A Fotografia e a História da Arte aliam-se, assim, nesta obra para construir um mapa muito particular de uma das artes que é justamente considerada um factor diferenciador da cultura portuguesa.

This book features 40 places with azulejo decorations that were labelled, due to their exceptional quality, Portuguese Wonders. The examples cover a wide historical span, from the transition to the 16th century to the present day. The photographs unveil the unique characteristics of these monumental ceramic sets, treating the reader to new and unparalleled visual experiences. The texts, signed by the most renowned experts, offer a guided tour to city streets and monuments, to the interiors of churches and palaces, from the North of the country all the way to the South. Photography and Art History have thus joined forces to create a very special map of one of the defining art forms of Portuguese culture.

Azulejos – Maravilhas de Portugal_foto livro aberto capas-1500px - BRBR

Publicado em

Fotografias dos Azulejos da Igreja de São Victor apresentadas hoje em Braga

Hoje, dia 1 de Abril, pelas 21:00h, será apresentado em Braga, na Igreja de São Victor, o novo livro «A Igreja de São Victor / The Church of Saint Victor – Braga».

capa-livro-ca-azulejosvictor190

A Igreja de São Victor (Braga) é o primeiro livro de uma colecção que pretende explorar, de um modo mais aprofundado, alguns dos locais com revestimentos em azulejo que, pela sua excepcionalidade, integram a obra «Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal».

As fotografias seleccionadas revelam características únicas destes monumentais conjuntos cerâmicos, enquanto os textos permitem divulgar e aprofundar as mais recentes perspectivas de investigação. A Fotografia e a História da Arte aliam-se, assim, nesta colecção, para construir um mapa muito particular e actualizado de uma das artes que é justamente considerada um factor diferenciador da cultura portuguesa.

Data e hora: 1 de Abril, 21:00h

Local: Igreja de São Victor, Braga

Morada: Rua de São Domingos, 4, 4710-435 Braga

GPS: 41.552715, -8.413397

Mapa:

Mapa_Sao_Victor

Texto: Rosário Salema de Carvalho

Fotografia:  Libório Manuel Silva

Publicado em

Dia do Livro Português

Hoje, dia 26 de Março, começou oficialmente em Portugal o horário de Verão 2017 (na madrugada de sábado para domingo), tendo sido os relógios adiantados uma hora, sendo por esse motivo este o dia mais curto do ano, pelo facto de desaparecer uma hora em todos os relógios.

É também o Dia do Livro Português, criado pela SPA (Sociedade Portuguesa de Autores) com o intuito de destacar a importância do livro e da língua portuguesa em todo o mundo e no saber da humanidade em geral.

Foi no dia 26 de Março de 1487 que se imprimiu o primeiro livro em Portugal: o “Pentateuco”, em hebraico, que saiu das oficinas do judeu Samuel Gacon, na Vila-a-Dentro, em Faro. Já o primeiro livro escrito em português foi impresso no Porto, dez anos depois, a 4 de Janeiro de 1497. Produzido pelo primeiro impressor luso, Rodrigo Álvares, o livro tinha o título de “Constituições que fez o Senhor Dom Diogo de Sousa, Bispo do Porto”.

Entre os grandes livros da literatura portuguesa encontramos:

capa-mensagem250

MENSAGEM“, de Fernando Pessoa, “Os Lusíadas“, de Luís de Camões, “Os Maias“, de Eça de Queirós, “Amor de Perdição“, de Camilo Castelo Branco, “Auto da Barca do Inferno“, de Gil Vicente, “Memorial do Convento“, de José Saramago, “Sermão de St. António aos Peixes“, de Padre António Vieira, “Peregrinação“, de Fernão Mendes Pinto, “As Pupilas do Senhor Reitor“, de Júlio Dinis, “Bichos“, de Miguel Torga, “Viagens na Minha Terra“, de Almeida Garrett, “Aparição“, de Vergílio Ferreira, “Rimas“, de Bocage, “O Livro de Cesário Verde“, de Cesário Verde, “Clepsidra“, de Camilo Pessanha, “Gaibéus“, de Alves Redol, “Balada da Praia dos Cães“, de José Cardoso Pires, “Mau Tempo No Canal“, de Vitorino Nemésio, “As Mãos e os Frutos“, de Eugénio de Andrade, “A Sibila“, de Augustina Bessa-Luís, “Pena Capital“, de Mário Cesariny, “O Medo“, de Al Berto, “A Colher na Boca“, de Herberto Helder, “Felizmente Há Luar!“, de Luís de Sttau Monteiro, “Sinais de Fogo“, de Jorge de Sena, “Charneca em Flor“, de Florbela Espanca, “Poesia“, de Sophia de Mello Breyner Andresen, entre muitos outros, tais como:

Continuar a ler Dia do Livro Português

Publicado em

Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal

Fruto de uma longa e inovadora investigação com os mais reputados investigadores do azulejo em Portugal, vai ser publicado o mais aguardado e completo livro sobre esta modalidade artística maior do Património português.

O livro reúne os 40 locais com revestimentos em azulejo que, pela sua excepcionalidade, foram considerados Maravilhas de Portugal, numa cronologia extensa que começa na viragem para o século XVI e termina na actualidade. As fotografias revelam características únicas destes monumentais conjuntos cerâmicos, conduzindo o olhar do leitor a experiências de leitura ímpares. Os textos dos mais reputados investigadores, com as suas perspectivas actualizadas, fruto de estudos recentes, guiam o leitor através das ruas das cidades e dos seus equipamentos, assim como nos interiores de igrejas e palácios, de Norte a Sul de Portugal. A Fotografia e a História da Arte aliam-se, assim, nesta obra para construir um mapa muito particular de uma das artes que é justamente considerada um factor diferenciador da cultura portuguesa.

Azulejos – Maravilhas de Portugal_foto livro aberto capas-1500px - BRBR

«É toda esta variedade e diversidade que o presente livro procura mostrar através de uma selecção de 40 obras, revelados através das magníficas fotografias de Libório Manuel Silva e dos textos que sintetizam os estudos mais recentes sobre cada conjunto, escritos pelos mais reputados investigadores do azulejo em Portugal. Imagem e texto aliam-se, deste modo, a outros materiais adicionais, convidando o leitor a visitar os deslumbrantes espaços que agora se mostram, e sensibilizando-o para a importância do património azulejar em território nacional.»

Prof. José Meco in Prefácio

 

Das 40 obras seleccionadas no livro «Azulejos Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal», as mesmas se encontram distribuídas ao longo do país, de Norte a Sul de Portugal e desde o Minho ao Algarve, numa cronologia extensa que começa na viragem para o século XVI e termina na actualidade, incluindo núcleos azulejares perfeitamente contemporâneos, ocupando no seu todo 336 páginas a cores num livro com mais de duzentas imagens a cores com um impacto sem comparação com o que até hoje foi publicado, textos em português e inglês, impressão em papel couché, encadernação de grande qualidade em capa dura, o que representa uma excelente oferta quem realmente merece, podendo desta forma associar-se ao magnífico património azulejar existente em Portugal, de uma forma totalmente diferenciadora.

capa-livro-ca-azulejosmaravilhasdeportugal190

Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal

Continuar a ler Azulejos – Maravilhas de Portugal / Wonders of Portugal

Publicado em

O livro de FOTOGRAFIA mais vendido em Portugal

capa-livro-ca-fotografia-9ed-1000px

«FOTOgrafia: Luz, Exposição, Composição, Equipamento e Dicas para Fotografar em Portugal», da autoria de Joel Santos é não só o livro de FOTOGRAFIA mais vendido em Portugal, mas também uma referência fundamental para quem pretende realmente dar os primeiros passos na fotografia.

Trata-se de uma obra de referência sobre os principais temas da fotografia digital, transmitindo conhecimento teórico e prático de forma estimulante, com o objectivo claro de fazer do leitor um melhor fotógrafo.

foto-contracapa

O livro «FOTOgrafia: Luz, Exposição, Composição, Equipamento e Dicas para Fotografar em Portugal» está dividido em capítulos de fácil leitura, amplamente ilustrados com imensos exemplos práticos, tabelas, esquemas e demais informações extremamente úteis:

Continuar a ler O livro de FOTOGRAFIA mais vendido em Portugal

Publicado em

Lançamento do livro “20 retrato a cores / 20 color portrait”

No próximo dia 25 de Fevereiro, pelas 16:30h será apresentado, na Biblioteca Municipal de Ílhavo, o livro “20 retrato a cores / 20 color portrait”.

Biblioteca Municipal Ilhavo BR Biblioteca Municipal de Ílhavo

Avenida General Elmano Rocha Alqueidão

3830-198 Ílhavo

GPS: 40.605570, -8.671349

(clique na imagem para aceder)

 

20 retrato a cores”, da editora “Edições Vieira da Silva”, é o segundo de uma série de livros temáticos e colectivos de fotografia a serem lançados nos próximos anos, desta feita e como o próprio nome indica, com retratos a cores.

Retrato a Cores capa

Continuar a ler Lançamento do livro “20 retrato a cores / 20 color portrait”

Publicado em

Neste Natal, ofereça Braga numa caixa exclusiva que todos irão adorar!

A caixa inclui o livro «Azulejo em/in Braga – O Largo Tempo do Barroco/The Baroque Period» e uma garrafa Royal Palmeira – o melhor vinho Loureiro que provámos (casta autóctone de Braga).

Este Vinho Verde Branco (12% vol, 0,75l, de 2012) é apresentado numa garrafa belíssima, com rótulo de um painel de azulejos do Paço da Palmeira (capela apresentada no livro) e as armas de Dom José de Bragança em relevo.

Eis a prenda ideal para levar para casa ou para oferecer a amigos, familiares e contactos profissionais, celebrando a sua admiração por Braga e pelo seu património azulejar.

Preço por caixa: 39,99 Euros, já com IVA incluído. Encomendas aqui.

Nas encomendas existe um custo adicional de portes de 7 Euros por caixa.

Os portes serão gratuitos nos pedidos de três ou mais exemplares.

Será ainda aplicado um desconto de 3 Euros em cada caixa, na encomenda de cinco ou mais exemplares.

Entregas limitadas a Portugal Continental.

Pode efectuar aqui as suas Encomendas ou enviar-nos um pedido por e-mail para: info@fotografiaportugal.pt